Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Portugal Anos 90

Uma viagem nostálgica pelo universo infanto-juvenil português dos anos 90, em todas as suas vertentes.

Portugal Anos 90

Uma viagem nostálgica pelo universo infanto-juvenil português dos anos 90, em todas as suas vertentes.

04.04.23

Porque nem só de séries se fazia o quotidiano televisivo das crianças portuguesas nos anos 90, em terças alternadas, este blog dá destaque a alguns dos outros programas que fizeram história durante aquela década.

O surgimento dos canais de televisão privados potenciou o surgimento e expansão de um formato televisivo já explorado, ao de leve, pela televisão estatal, mas exacerbado e explorado à exaustão pelas referidas SIC e TVI: o 'talk show' matinal. Já tradicional nas grelhas de programação de países como os Estados Unidos e a Inglaterra, este tipo de programa - no qual se misturam entrevistas, debates, 'casos' reais, escândalos, segmentos com conselhos práticos do dia a dia e números de entretenimento - cimentou-se definitivamente em Portugal na segunda metade da década de noventa, para não mais abandonar as grelhas televisivas - e um dos principais responsáveis por essa popularidade (bem como um dos pioneiros do formato) foi precisamente o programa de que hoje falamos, estreado há pouco mais de um quarto de século e que levava o nome da sua apresentadora: 'Fátima Lopes'.

MV5BOWE0ZmU5MDUtYzVlYy00MjdhLWE0ZjktNzBjMDExMjI1Yj

Idealizado por Manolo Bello (um dos co-criadores dos famosos 'Apanhados', o programa propunha um bloco diário de três horas, sob a égide da apresentadora homónima (então conhecida, sobretudo, pelos não menos icónicos 'Perdoa-me' e 'All You Need is Love'), e sempre dedicado a um tema de interesse para o seu público-alvo de donas-de-casa - ainda que, por vezes, o assunto em debate fosse um pouco mais 'arriscado' do que o habitual, como foi o caso com o travestismo, num episódio que, aliás, chegou a ser reaproveitado pelos icónicos Gato Fedorento, anos depois da última transmissão do programa, que data de 2001. (De notar, aliás, que 'Fátima Lopes' entrou nas casas dos portugueses durante quase exactamente três anos, datando a primeira emissão de 16 de Fevereiro de 1998, e a última de 2 de Fevereiro de 2001.)

O final do programa não significou, no entanto, o fim do formato em causa na emissora de Carnaxide, ou mesmo da carreira de Fátima Lopes como apresentadora deste tipo de conteúdos; pelo contrário, a apresentadora tornou-se tão sinónima com programas deste tipo como Manuel Luís Goucha na RTP, surgindo à cabeça de mais dois formatos do mesmo tipo em anos subsequentes, 'SIC 10 Horas' e 'Fátima', antes de se 'mudar' para a TVI, onde continuaria na mesma senda. Ainda assim, é pelo seu programa homónimo, e pelas suas mais de seiscentas emissões, que a apresentadora é, ainda hoje, recordada por muitos daqueles que acompanhou durante o pequeno-almoço ou os 'tempos mortos' das manhãs de infância ou adolescência, tornando-se presença diária, constante e reconfortante no ecrã da televisão de casa.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub