Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Portugal Anos 90

Uma viagem nostálgica pelo universo infanto-juvenil português dos anos 90, em todas as suas vertentes.

Portugal Anos 90

Uma viagem nostálgica pelo universo infanto-juvenil português dos anos 90, em todas as suas vertentes.

23.12.23

Os Sábados marcam o início do fim-de-semana, altura que muitas crianças aproveitam para sair e brincar na rua ou no parque. Nos anos 90, esta situação não era diferente, com o atrativo adicional de, naquela época, a miudagem disfrutar de muitos e bons complementos a estas brincadeiras. Em Sábados alternados, este blog vai recordar os mais memoráveis de entre os brinquedos, acessórios e jogos de exterior disponíveis naquela década.

images.jpg

A época de Natal é, por excelência, a altura de maior convivência com familiares, sobretudo mais distantes, normalmente no contexto de jantares ou reuniões de família; e, claro, onde se juntam grandes famílias, tende sempre a existir um número elevado de crianças, as quais têm de procurar 'entreter-se' enquanto os adultos convivem. Esta circunstância leva, por sua vez, à criação ou reprodução de uma série de brincadeiras propícias a um belíssimo Sábado aos Saltos.

Dos jogos tradicionais ao Quarto Escuro, passando por quaisquer potenciais criações mirabolantes da sua imaginação, são muitas as formas de os irmãos e primos se manterem ocupados durante uma reunião de Natal, sem com isso necessitarem de incomodar ou mesmo estorvar os adultos; na existência de um quintal ou propriedade adjacente, esse número alarga-se ainda consideravelmente, sendo mesmo possível que o grupo principal não torne a ver os seus elementos mais novos durante várias horas, enquanto os mesmos exploram as redondezas, constroem um esconderijo, fazem concursos de pinos e cambalhotas, andam de bicicleta, patins, skate, 'kart' ou veículo eléctrico, ou simplesmente 'abancam' na casinha de brincar, a fazer sensivelmente o mesmo que os adultos, mas de uma perspectiva própria.

Seja qual fôr a via escolhida (ou permitida pelo contexto do espaço de reunião), não há qualquer dúvida que, tanto nos anos 90 como nos dias que correm, é perfeitamente possível passar um Sábado aos Saltos com os familiares da mesma idade na época de Natal, mesmo antes de serem abertas as prendas na noite de dia 24 ou na manhã do dia seguinte - acto que, claro, abria toda uma nova série de possibilidades de brincadeira para o resto do fim-de-semana...

 

24.12.22

As saídas de fim-de-semana eram um dos aspetos mais excitantes da vida de uma criança nos anos 90, que via aparecerem com alguma regularidade novos e excitantes locais para visitar. Em Sábados alternados (e, ocasionalmente, consecutivos), o Portugal Anos 90 recorda alguns dos melhores e mais marcantes de entre esses locais e momentos.

Os Sábados marcam o início do fim-de-semana, altura que muitas crianças aproveitam para sair e brincar na rua ou no parque. Nos anos 90, esta situação não era diferente, com o atrativo adicional de, naquela época, a miudagem disfrutar de muitos e bons complementos a estas brincadeiras. Em Sábados alternados, este blog vai recordar os mais memoráveis de entre os brinquedos, acessórios e jogos de exterior disponíveis naquela década.

As 48 horas da Consoada conformam ainda hoje, para a maioria dos portugueses, uma série de tradições e rituais, normalmente levados a cabo sempre na mesma ordem; e, destas, uma das principais, tanto nos Anos 90 como hoje em dia, serve como uma espécie de 'dois-em-um' entre Saída ao Sábado e Sábado aos Saltos.

natal-portugal.jpg

Falamos do jantar de Natal em família, uma Saída de Sábado que subentende, normalmente, uma reunião de parentes de vários quadrantes da 'árvore' familiar - não só os pais e avós, mas também os tios, primos (direitos e em segundo grau) e outras figuras apenas esporadicamente vistas durante o ano; e, claro, casa cheia significa, para os membros mais novos da família, mais oportunidades de passar um belíssimo Sábado aos Saltos na companhia dos primos e outros familiares da mesma idade - mesmo antes de abertas as prendas, à meia-noite ou no dia seguinte, conforme a tradição. E no final, claro, há o jantar propriamente dito, com as suas iguarias (sejam elas peru, bacalhau ou cabrito) e sobremesas típicas desta época do ano, que continuam a tornar esta parte da experiência da Consoada tão memorável para as gerações actuais como foi para a dos seus pais, e resistente a todas e quaisquer mudanças sociais verificadas nos últimos trinta anos.

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub