Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Portugal Anos 90

Uma viagem nostálgica pelo universo infanto-juvenil português dos anos 90, em todas as suas vertentes.

Portugal Anos 90

Uma viagem nostálgica pelo universo infanto-juvenil português dos anos 90, em todas as suas vertentes.

14.12.23

Os anos 90 viram surgir nas bancas muitas e boas revistas, não só dirigidas ao público jovem como também generalistas, mas de interesse para o mesmo. Nesta rubrica, recordamos alguns dos títulos mais marcantes dentro desse espectro.

A época natalícia é, em Portugal, sinónima de iguarias várias; e enquanto, hoje em dia, a maioria das receitas para as mesmas pode facilmente ser encontrada na Internet, nos anos 90, esse papel era desempenhado, sobretudo, pelas revistas de culinária, as quais, no mês de Dezembro, lançavam invariavelmente um número especial dedicado exclusivamente a receitas natalícias.

image.webp

Visão comum para qualquer português que tenha entrado numa tabacaria ou papelaria nas últimas quatro décadas (visto serem dos únicos tipos de publicação física a sobreviver até aos dias de hoje) estas revistas dividiam-se, e continuam a dividir-se, sobretudo em dois grandes grupos: por um lado, as 'decanas', como a 'Teleculinária', publicadas num formato semelhante ao de qualquer outra revista, e, por outro, as edições 'de bolso', normalmente mais baratas, com menos páginas, e com grafismos muito semelhantes entre si, sendo, por vezes, difícil distinguir um título do seguinte. Ambos os tipos eram presença frequente nas gavetas das cozinhas dos anos 90, com o segundo formato a provar-se particularmente popular, sobretudo pela sua excelente relação preço-qualidade – embora, quando era necessária uma receita 'fidedigna', se continuasse a recorrer às revistas de maior renome e mais estabelecidas no mercado.

Conforme referido, este tipo de publicações partilha, hoje em dia, espaço com a Internet como fonte de receitas, natalícias e não só; no entanto, ao contrário do que acontece em outras partes do Mundo, a maioria dos adeptos de culinária portugueses continua a preferir o método mais 'tradicional', com fórmulas dadas por profissionais e, como tal, com menores probabilidades de serem incorrectas ou até falsas, dois problemas que assolam os 'sites' culinários 'online'. Assim, não é de prever que as revistas de culinária cessem a sua produção nos tempos mais próximos – antes pelo contrário, não será controverso afirmar que este tipo de revista servirá, ainda, de fonte de inspiração para muitas receitas natalícias...

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub